coisas para rir

 

Voar…voar…

Eu também quero!

Desde sempre, o homem olhou à sua volta e desejou tudo o que via.
Observou os pássaros no céu e pensou, eu também quero voar. E a partir desse momento nunca mais descansou, enquanto não conseguiu ao longo da história foi tentando, há vários registos de tentativas mal sucedidas de voos.

 Voar…voar…

Homens que tentaram voar, imitando literalmente os pássaros, faziam asas que prendiam ao corpo (asas, que não eram mais que um esqueleto feito de madeira e envolvido em penas), enfiavam aquilo nos braços  e começavam a balançar os braços até se largarem em direcção aos céus (por pouco tempo) la iam eles… para baixo a pique.
De cima, a  assistência observadora comentava:

Voar…voar…
 

 Voar…voar…

-Aquilo foi das penas, eu avisei-o, que era pouca  quantidade  de penas.

Olhando para baixo…
-Olha temos pena, não conseguiste. 

 

Teimosos, insistiram, as suas técnicas melhoraram até finalmente o homem conseguir voar num planador depois numa aeronave. E agora, a todo o minuto aviões trespassam os céus, em várias direcções e diferentes destinos. Depois do homem  conquistar os ceús,  virou-se para o o universo, já foi á lua, quer ir a Marte.
Nos ficamos aqui em baixo a comentar…😉

 

As Crónicas da Ana 

 

.

 

Siga o Receitas fáceis  rápidas e saborosas no facebook e no Twitter
Temos também Receitas de Natal deliciosas a sua espera.
Veja também as nossas outras Receitas de bacalhau