Sopa da pedra

Reza a história que há muito tempo atrás, um frade que andava de porta em porta a pedir esmola, desolado por não lhe darem nada, agarrou numa pedra do chão e alto, disse: 

Sopa da pedra-Vou fazer uma sopa com esta pedra!!!

Um casal de lavradores, que se encontravam a ouvir atrás da janela, incrédulos, abriram aporta e disseram:
-Então como é que vai fazer a sopa com a pedra?
-Faço, só precisava dum púcaro e dum bocadinho de água…
-Não seja por isso (respondeu o lavrador, e foi buscar, o que o frade lhe pedira)

O frade colocou a pedra no púcaro e a água, e disse:
-Agora só precisava … de ir bocadinho ao lume…
-Entre, está ali o fogão (disse a mulher)
-Então e isso fica bom assim?
-Fica, respondeu o frade.

O frade aqueceu a água e disse, ficava ainda melhor se pusesse um fiozito de azeite…
E a mulher deu-lhe o azeite.
-Está a ficar mesmo boa! Por acaso não terá aí um bocado de sal, só para apaladar mais a sopa?
A mulher passou-lhe o sal.
O frade disse :
-Que boa sopa esta, mas se eu tivesse uma couvezinha, aí sim ficava um petisco! 
-Tenho aqui a couve, homem (respondeu o lavrador)

O frade mexia a sopa e disse :
-E chouriço? não tem um bocadinho? 
Deram-lhe o chouriço.
E assim do nada, conseguiu tudo o que queria, e fez uma bela sopa.

Os três comeram a sopa e gostaram muito.
E o lavrador disse-lhe:
-Então e a pedra? 
O frade respondeu:
-A pedra vou lava-la, e levo-a comigo outra vez!

Sopa da pedra

 

    • 500 g.de entrecosto de porco.
    • 300 g. de carne de vaca.
    • 500 g. de feijão manteiga.
    • 150 g de toucinho entremeado.
    • 1 farinheira.
    • 1 morcela de arroz.
    • 1 chouriço de carne.
    • 1 nabo.
    • 2 cenouras.
    • 700 gr. de batatas.
    • Sal e pimenta.
    • Coentros picados.
    • 1 cebola
    • 1 cente de alho.
    • 4 colheres de sopa, de azeite.
    • 1 pedra que se veja para não haver o risco de ser comida (só por graça).
    • 2 colheres de sopa, de vinho branco.

 

No dia anterior demolhe o feijão, lave as carnes frescas e tempere-as com sal. No própio dia da confecção da sopa, coza o feijão, na panela de pressão, junto com uma cebola e sal. Lave as carnes novamente e coza-as junto com os enchidos numa panela com água. A farinheira e a morcela cozem em pouco tempo. Quando estiverem cozidas, corte aos pedaços a carne, e os enchidos às rodelas (tape para não arrefecer e reserve.)

Faça um refogado com o azeite, a cebola e o alho, deixe alourar e coloque a batata, as cenouras e o nabo tudo cortado aos cubos, mexa um pouco e deite o vinho branco. Junte a água do feijão cozido e mais água de forma a encher a panela. Quando os legumes estiverem cozidos, junte metade do feijão, a outra metade do feijão passe-o pelo passe-vite e junte também. Coloque os coentros, sal e pimenta (piri-piri se gostar)

Junte agora as carnes e a pedra. Apure a sopa, de forma a que não fique muito aguada, nem muito grossa.
Deite mais coentros picados, por cima e sirva.

RECOMENDADO*****

 

Venha ver também:

 

 

3 thoughts on “Sopa da pedra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.